Fundamental 1

Educação Fundamental

Fundamental 1

Ler e escrever, indiscutivelmente, são fatores essenciais para que a criança aproprie-se do mundo ao qual vive, tornando-se sujeito de sua própria história. 

Dessa forma, é no ensino fundamental que a criança vivencia suas primeiras experiências nesta caminhada iniciada na educação infantil, desassociada do âmbito familiar.

Mais do que ensinar a ler e a escrever, embasando a criança para as exigências futuras, ampará-las neste momento passa a ser igualmente responsabilidade da escola, no que diz respeito à segurança emocional, oportunização de práticas educativas formais e não formais, de maneira lúdica e integrada. No Colégio Inedi conhecemos nossos alunos e buscamos continuamente estar atentos às suas especificidades, dando ouvidos à comunidade escolar.

O currículo, assumindo como referência os princípios pedagógicos garantidos à educação, configura-se como o conjunto de valores e práticas que proporcionam a produção, a socialização de significados no espaço social e contribuem intensamente para a construção de identidades socioculturais dos educandos.

1º ANO FUNDAMENTAL - ALFABETIZAÇÃO

O ensino fundamental dentre as vivências escolares é uma das etapas mais significativas, o processo que se inicia na pré-escola é acrescido de novos desafios, através de percepção sensível e atenta às necessidades infantis, o Colégio embasa a construção do processo de alfabetização utilizando o método fônico.

Tal método vem sendo utilizado no Brasil desde 1980 como uma alternativa aos problemas de alfabetização enfrentados nos país, em que a memorização era a base dos processos adotados.

As atividades propõem o entendimento de que cada letra representa um som e que a associação dos mesmos formam sílabas e depois palavras. Assim, desenvolvemos a consciência fonológica, ou seja, a compreensão do processo de leitura e escrita.

As atividades partem do lúdico e do cotidiano das crianças, através do uso dinâmico do alfabeto sem a proposta de repetição de sílabas. Como se trata de um método amplo, permite o uso dos mais diversos tipos de texto (cantigas, rimas, poemas, receitas, recados, bilhetes, textos informativos…), para que de maneira significativa a criança se aproprie da leitura e da escrita.